Déda nega rompimento politico-administrativo com Jackson Barreto

Marcelo-Deda-nega-rompimentoNa última sexta-feira, dia 04,  durante a posse do novo gerente geral da Petrobras Sergipe-Alagoas, Robério Silva Ramos que substituiu Eugênio Dezen, o governador Marcelo Déda negou que houve um rompimento político-administativo com seu vice Jackson Barreto.

Nos bastidores da política se especula que o clima entre os dois não é dos melhores, em virtude da criação do núcleo de governança, que seria uma espécie de controle as ações de Jackson, durante o período em que Déda se encontra afastado do comando do Estado para tratamento contra o cançêr em São Paulo.

Déda disse que é difícil segurar o descontentamento de Jackson, e que o clima é de total integração. O que existe na verdade, segundo o governador, são especulações.

O governador disse que “quem tiver juntando fichas para apostar na roleta  da política em um rompimento ou desentendimento entre ele e Jackson vai perder as fichas todas, porque os dois estão completamente identificados com os objetivos do governo e com os objetivos políticos do futuro da coligação”.

Por: Claudio Leite

Foto: Secom/Governo

Deixe uma resposta