Sargento Gilson é assassinado em assalto na porta de casa em Aracaju

No início da manhã desta quinta-feira, dia 11, morreu nas dependências do Hospital de Urgência de Sergipe ( HUSE), o sargento da Polícia Militar de Sergipe ( PM/SE), Gilson Alves de Souza, de 42 anos, vítima de um assalto na porta de sua residência no Bairro Veneza, zona Oeste de Aracaju.

De acordo com uma fonte do Portal Imprensa1, o sargento teria sido abordado por dois assaltantes que pediram o seu veículo e ao realizar certo movimento, os bandidos teriam entendido como uma reação ao assalto e atiraram em direção a sua cabeça. O disparo atingiu no pescoço do militar que caiu sem reação. Com a situação dominada os assaltantes fugiram levando a pistola e o carro do sargento, enquanto populares e familiares da vítima prestaram os primeiros socorros levando-o para HUSE.

Infelizmente momentos depois de dar entrada no hospital, o sargento da PM de Sergipe veio a óbito devido o tiro ter atingindo uma região vital.

O Instituto de Medicina Legal de Sergipe (IML) foi acionado para recolher o corpo por volta das 09h50 da manhã. A família do sargento Gilson, decidiu autorizar a doação das córneas.

Enquanto isso, toda polícia e a sociedade sergipana está atenta e mobilizada a encontrar os assassinos do policial Gilson Alves de Souza “Sargento Gilson”.

A Polícia Militar de Sergipe ( PM/SE) está de LUTO e a sociedade sergipana REVOLTADA por está órfão de mais um policial morto por marginais. Eu, “MARCOS COUTO”, mesmo de férias de minhas atividades profissionais onde VIAJAREI mais tarde, não poderia ficar de fora em fazer essa matéria e principalmente apelar para quem tiver informações sobre o paradeiro desses assassinos. LIGUE 190 OU O DISK DENÚNCIA 181.

Por: Marcos Couto

Fotos: PM de Sergipe, Grupos e Redes  Sociais e Google

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*