TCE/SE debatem melhorias na conversão de processos físicos em digitais

A conversão de processos físicos em digitais e a melhor forma de agilizar sua tramitação foram debatidas em reunião no Tribunal de Contas do Estado (TCE) na manhã desta segunda-feira, 5. O encontro foi idealizado pela Diretoria de Modernização e Tecnologia (DMT), que reuniu coordenadores das Coordenadorias de Controle e Inspeção (CCIs) e assessores dos conselheiros.

De acordo com o diretor da DMT, Edson Brasil, o objetivo foi _MG_7781.JPGestabelecer uma nova dinâmica para dar celeridade à eliminação dos processos em papel ainda existentes. “Vamos trabalhar para fluir melhor esta ação, dando mais agilidade nesses processos em papéis para que sejam logo digitalizados”, explicou.

A coordenadora da 5ª CCI, Roseane Tavares, acredita que os ajustes propostos darão celeridade aos trabalhos e destacou dois momentos importantes na Diretoria de Modernização e Tecnologia: o primeiro com a implementação do e-TCE, novo sistema de processo eletrônico do Tribunal, e agora com as melhorias na operacionalização.

“A expectativa é a melhor possível porque o novo diretor é uma pessoa com experiência na área técnica e sabe lidar com todos os problemas e cotidiano do que acontece; ele vai encontrar o caminho para resolver as pendências que foram debatidas hoje”, pontuou.

Além de fazer o controle dos processos que tramitam no Tribunal, o e-TCE proporciona como maior vantagem a eliminação do uso do papel, diminuindo o custo operacional e aumentando a eficiência da Casa.

Reprodução: Portal Imprensa1

Fonte: Ascom do TCE/SE

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*