Após troca de tiro com a polícia, morre o acusado de matar o policial Paulinho

Um dos acusados de matar, o policial civil Paulo Sérgio Souza de Jesus, 58 anos, na Barra dos Coqueiros, morreu na tarde desta terça-feira dia 06 de Junho, após resistir à prisão e trocar tiros com policiais no município de Pedrinhas, estava escondido desde o assassinato.  Embora tenha sido ser socorrido e levado para uma unidade de saúde de Boquim, o indivíduo não resistiu aos ferimentos.

Durante todos esses dias seus familiares fizeram solicitações para que o mesmo se entregasse para que houvesse um processo investigativo de acordo com a lei, mas sem manifestar nenhum contato, William não se entregou.

site: imprensa1.com

.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.