Jucese passa a receber livros e balanços contábeis de empresas no formato digital

Com o objetivo de proporcionar maior comodidade e economia de tempo e dinheiro para a classe empresarial, a Junta Comercial do Estado de Sergipe (Jucese) passou a receber também os Eventos Exclusivos das empresas, a exemplo dos livros contábeis, no formato unicamente digital – através do uso de certificado digital e-CPF do empresário.
Eventos Exclusivos são atos/procedimentos empresariais que não fazem parte da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), ou seja, que não necessitam, por parte da Jucese, o envio de dados aos órgãos públicos envolvidos no registro e legalização de empresas e integrados ao Portal de Serviços Agiliza Sergipe, como a Receita Federal, Secretaria de Estado da Fazenda, Prefeituras Municipais.
Além dos livros contábeis, são Eventos Exclusivos: registro de balanço; arquivamento de publicações de atos de sociedade; ata de assembleia geral de cisão/fusão/incorporação/extraordinária; ata de reunião da diretoria/conselho de administração ou fiscal; estatuto social; revogação de procuração; comunicação de extravio de instrumento de escrituração ou de funcionamento.
Economia de dinheiro
Integrada ao pacote de ações do projeto “Jucese 100% Digital” – registro de empresas exclusivamente pelo Portal Agiliza Sergipe (www.agiliza.se.gov.br) -, a novidade tornará os eventos exclusivos mais ágeis, pois eliminará a necessidade do usuário se deslocar até à sede ou Escritórios Regionais da Junta Comercial, possibilitando ainda que envie esses documentos 24 horas por dia e sete dias por semana.
Para o contador Ionas Mariano, a entrega dos livros contábeis pela internet gera, realmente, uma economia significativa. “Em minha opinião, com o formato digital, os empresários e as empresas de contabilidade só têm ganhos, até mesmo pelo ponto de vista da logística. Antes, eu tinha que sair do meu escritório, descolorar-me até a Junta Comercial, fora o desconforto de levar um monte de livros. Sozinho você não consegue, então, às vezes, levava uma colaboradora para ajudar”, relata.
A depender do segmento da empresa e do porte, segundo Ionas, o custo de um volume de um livro contábil físico chega a R$ 50,00. “Temos o custo de R$ 30,00 com a encadernação; e o custo da impressão, resma de papel e tinta da impressora… Recentemente, por exemplo, levei à Jucese o livro contábil de uma empresa do ramo de conveniência com oito volumes. Ali gastei três ou quatro resmas de papel, que custa, em média, R$ 15,00 a 16,00 a unidade”, explica.
Ajuda ao meio ambiente
Presidente da Jucese, Marco Freitas, destaca a importância e a necessidade da Junta Comercial e seus usuários se adaptarem ao formato online. “Estamos vivendo na era digital e é necessário que nós como cidadãos, mudemos nossa forma de pensar e agir. Precisamos nos desapegar de velhos hábitos diários. Por que imprimir papeis e mais papeis se podemos tramitar documentações digitalmente?”, questiona.
O presidente da Jucese completa que: “com o formato 100% digital, economiza-se dinheiro e é muito bom para o nosso meio ambiente, que carece tanto de ações de prevenção. Fora que o livro digital, por exemplo, proporciona uma economia de espaço físico nas empresas, pois não há necessidade mais de guardá-los fisicamente”.
Entrada física
Até o dia 30 de novembro deste ano, os usuários da Junta Comercial poderão optar ainda pela entrada física dos Eventos Exclusivos na sede ou Escritórios Regionais do órgão. Após esse prazo, a tramitação será apenas pela internet.
Reprodução: www.imprensa1.com
Por: Tatianne Melo
Assessora de Comunicação – Jucese
(79) 3234-4141(oi)/ 99933-0750 (vivo)/ 98824-8278 (oi)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.