Polícia Civil : DAGV prende acusado de estupro em Aracaju

f1-acusado-de-estupro--30-03-2011O Departamento de Grupos Vulneráveis (DAGV) apresentou na manhã desta quarta-feira, dia 30, Fabiano Cardoso de Andrade, 26 anos, acusado de no dia 2 de março deste ano ter estuprado uma estudante de 18 anos, na Escola Marco Maciel, que fica na zona norte de Aracaju.

f3--mae-do-acusado-de-estuproAs delegadas Thaís Lemos, coordenadora da DAGV, e Érica Farias, da Delegacia de Proteção à Mulher, disse que o trabalho investigativo do Departamento, junto com a Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) , resultou na prisão do acusado, que, em depoimento, confessou todo o crime.

 Na época do crime, ela descreveu o agressor com sendo moreno claro, com olhos castanhos escuros, cabelo baixo, altura media de aproximadamente 1,80 m, sem tatuagem e com voz rouca, possuía a parte superior do tronco bem desenvolvido (malhado), nariz fino, de tamanho médio.

A descrição foi confirmada quando ela viu pessoalmente o acusado nesta terça-feira. “Ele segurou a vítima com bastante força e disse pra ela não gritar e não falar alto, senão a mataria, mostrando à vítima uma arma branca”, explicou a delegada Érica Farias.

A vítima conta que quando foi abordada por Fabiano ainda se encontrava na quadra da Escola Marco Maciel. Fabiano a ameaçou e a levou para um terreno baldio, que fica no fundo da escola.

O local é o mesmo onde um traficante de drogas trocou tiros com policiais militares da Companhia de Radiopatrulha e veio óbito no início deste mês. A delegada Thaís Lemos disse que a preocupação do DAGV é com três frentes, a assistência, a repressão e prevenção.

 “Nós encaminhamos a vítima para o setor psicossocial do Departamento, a fim de realizar todos os procedimentos necessários para a sua recuperação. Apelo também que qualquer pessoa que foi vítima desse estuprador que procure o DAGV para iniciarmos os procedimentos e ele possa pagar pelo que fez”, explicou a delegada Thaís.

 Texto: Ascom/SSP e Fotos : Imprensa1- Videos : Jornalista Marcos Couto

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.