Polícia de Sergipe prende mais um integrante do grupo que matou criança de oito anos em Cristinápolis

Nesta sexta-feira, dia 16, a polícia civil de Sergipe prendeu, Genivaldo dos Santos, mais um integrante do grupo criminoso que matou à tiros a criança de oito anos, Mariana Karina de Jesus Silva, na última quarta-feira, dia 14, na cidade de Cristinápolis.

Ele, foi o quinto membro identificado pela polícia como integrante do grupo que realizava trafico de drogas e outros crimes, mas no tocante ao homicídio, ele  não participou. Vale ressaltar, que no dia anterior ( quinta-feira, 14) Denisson Batista Silva, quarto membro da associação criminosa resolveu se entregar na delegacia da cidade.

O crime aconteceu na madrugada da quarta-feira, dia 14, no momento em que a criança dormia dentro de casa ao lado de sua mãe. Dois marginais entraram na casa e um deles, Leonardo Francisco de Aquino, efetuou alguns disparos contra a menina que como estava enrolada em um lençol, os marginais pensaram que era o tio da criança de prenome “Luciano”.

Horas após o crime, um casal foi preso, José da Hora Costa Santos e Maiara Nascimento Cardoso, presos em flagrante suspeitos ter participar do mesmo grupo criminoso especialista no tráfico de drogas. Mas foi dia seguinte (quinta-feira) os policiais civis e militares seguiram e uma operação conjunta localizar na cidade de Estância, o principal suspeito em atirar na menina. Leonardo Francisco de Aquino estava tentando fugir e ao receber voz de prisão trocou tiros com a policia e morreu no confronto.

A polícia continua um trabalho investigativo a fim de descobrir outros possíveis membros. Já o tio da menina “Luciano”, que teria sido o pivô de toda essa ação criminosa, foi ouvido e depois liberado.

CLICK AQUI !… ENTENDA MAIS O CASO .

Por: www.imprensa1.com

Fonte: SSP/SE

 

1 Trackback / Pingback

  1. Homem que também matou criança de oito anos em Cristinápolis morre em confronto com a PM de Sergipe – Portal Imprensa 1

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.