SMTT contesta laudo do ITPS sobre irregularidades em radares

Através de nota a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Aracaju disse estranhar a posição do Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS), que na tarde desta terça-feira, 8, emitiu laudo que aponta irregularidades em três radares da capital.

Segundo a SMTT, os radares da avenida Beira Mar, por exemplo, foram aferidos e aprovados pelo próprio Inmetro nos dias 16 e 17 de setembro, conforme consta em laudo, que comprova a regularidade dos equipamentos.

Ou seja, o Inmetro reprovou os radares, 10 dias após emitir o laudo que comprova a regularidade dos equipamentos. Vale ressaltar que os lacres implantados pelo Inmetro nos radares não foram violados.

Os radares das avenidas Etelvino Alves de Lima e Tancredo Neves também foram aferidos e aprovados pelo Inmetro este ano, nos meses de fevereiro e junho respectivamente.

A SMTT reforça que segue as deliberações do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que determina que as aferições devem ser feitas, obrigatoriamente, com peridiocidade máxima de 12 meses e, eventualmente, conforme determina a legislação metrológica em vigência, e que todos os radares da cidade estão com as aferições em dia. A SMTT preza pela transparência e informa que já solicitou à empresa permissionária uma nova aferição nos radares, junto com o Inmetro, e que continua à disposição para qualquer esclarecimento.

Fonte: Ascom/SMTT

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.