Vereadora Emília Corrêa lamenta que a violência continue vitimando a população

A defensora pública e vereadora, Emília Corrêa (PEN), lamenta que a violência continue vitimando a população e cobra mais segurança pública. O fato é que a violência segue crescendo e as medidas adotadas para combater não estão sendo eficientes.

Segundo Emília, não existe exceção, todos os municípios registram algum tipo de violência, seja física ou moral. Estão agindo em plena luz do dia e as pessoas presas temendo o pior para suas famílias, como medo de que os seus entes queridos entrem para os triste números da violência em Sergipe.

“Infelizmente estamos todos assustados e presos dentro de casa. Da capital ao interior, as pessoas andam espantadas com o aumento da violência. São assaltados e arrombamentos. Ninguém tem em paz!”, lamenta.

Para Emília, Aracaju deixou de ser aquela cidade tranquila  em relação às outras capitais. A imagem vem sendo ameaçada nos últimos anos, devido ao crescimento do tráfico de drogas.

“Nas últimas semanas, a seqüência de crimes violentos tem chamado a atenção da população aracajuana. São comunidades inteiras sendo escravizadas pelo tráfico e a principal queixa das pessoas está na falta de efetivo policial em determinados bairros, onde impera o tráfico de drogas”, destacou.

A parlamentar lembra que a prevenção à criminalidade, através da publicidade e propaganda, podem contribuir para a sua diminuição. São jovens que são capazes de tirar a vida de outro sem pudores e a educação tem um papel importante nesse contexto para diminuir os números tenebrosos de mortes em Sergipe.

“A repressão à violência urbana não se faz só com presença ostensiva da força nacional de segurança e a policia militar. Apenas prender criminosos não vai garantir a tranquilidade das nossas cidades. Isso se faz, em primeiro lugar, pela educação, projetando  resultados positivos e duradouros para o futuro”, concluiu.

Reprodução: www.imprensa1.com ( portal Imprensa1.com)

Por Andrea Lima

Foto: Gilton Rosa

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.